Ads Top

Um bate-papo sobre o final de One Tree Hill


Faz pouco mais de uma semana que demos um longo e triste adeus à Nathan Scott & Co., e – uma vez que ainda estamos nos primeiros estágios do luto (também conhecido como fase de negação) – decidimos fazer uma viagem de volta à Tree Hill.

Aqui, o criador Mark Schwahn e o astro James Lafferty revivem o final da série e respondem à algumas perguntas dos fãs, entre elas “E a Peyton?” “Por que Bevin?” E, é claro, “Como é que ninguém em Tree Hill envelhece?”

Alguma cena foi cortada do series finale? Schwahn nos conta que a emissora concordou em exibir a versão sem cortes do episódio final de OTH, então vimos tudinho. Pronto para se surpreender? Se a versão editada tivesse ido ao ar, a versão de “I Don’t Wanna Be” teria sido inutilizada! “Aquela edição foi muito estranha,” ele confessa. “Fomos direto para a canção “One Tree Hill”, do U2... e depois o salto no tempo.” Outra parte originalmente retirada durante a edição foi toda a estória com Chase, Chris Keller e as gêmeas.

Como foi gravar o elenco todo cantando “I Don’t Wanna Be”? “Foi bem legal,” relembra Lafferty. “Todos estávamos berrando a letra.” Mas para todos os telespectadores, volte e dê uma olhada mais de perto – vocês provavelmente perceberão um erro de continuidade. “Há uma cena em que vocês nos veem em nossa posição lá no fundo, e depois é cortado para a multidão,” compartilha o ator. Tendo dito isso, Lafferty apenas espera que pareça que eles estavam se divertindo, porque eles realmente estavam.

Por que a Bevin foi escolhida para retornar à série de forma grandiosa? Schwahn explica, “Eu não queria usar uma figurante... Esta personagem trabalha em Tree Hill, então pensei, “Há alguém do passado que encaixaria?” O criador acrescenta que ele e seu time “estavam tentando maximizar as oportunidades de rever antigos rostos, então achei que ela seria perfeita.” E mais, “Depois veio a recompensa de Skills no finalzinho.”

Em retrospecto, há alguém mais que o show queria trazer de volta, mas não foi possível? Como se houvesse alguma dúvida, Schwahn disse que ele adoraria ver Peyton de volta à Tree Hill. “Aquela personagem era tão significante,” ele compartilha. “Eu a amo muito, e acho que muitos fãs adoravam aquela personagem. Então, foi um pouco estranho não ver Peyton.” Mas, Schwahn afirma que a indústria do entretenimento é exatamente assim, e se as circunstâncias tivessem sido diferentes, ele a teria trazido de volta de maneira criativa.

Por que ninguém envelheceu no flash forward do final da série? “Nos cuidamos muito bem naquele momento e também usamos o mesmo creme anti-idade,” explica Lafferty, com uma risada. “Contrário a opinião popular, o envelhecimento de nossos filhos de fato nos fez parecer mais jovens. Foi meio que uma anomalia.”


Fonte: TV Line
Tecnologia do Blogger.